Análise: Bakuman volume 7

Conflitos com o editor e uma ótima mudança no foco da trama.

  Como estava sem ideias sobre o que postar hoje e tirei o domingo para ler esse volume de Bakuman… Por que não escrever sobre ele? Vamos às minhas considerações:

  O volume começa com a notícia de que “Trap” vai mesmo ser cancelado, juntamente com “Hideout Door”. Se não fosse aquela doença do Mashiro creio que não teria sido assim, mas por outro lado também não teríamos mais enredo. Foi algo necessário para prosseguir com a história do mangá. Com isso vem a parte que mais detesto em qualquer tipo de obra: a fase depressiva do(s) protagonista(s). Por sorte não se prolongaram muito nisso, de forma que em 1 capítulo e meio Muto Ashirogi já estava planejando novas obras.

  É nesse ponto que surge o principal conflito do volume: a dupla quer fazer algo sério, mas o editor Miura insistem em comédia. Sério, que raiva desse cara… Por causa disso Takagi e Mashito decidem mandar uma história fechada para a Golden Cup sem falar ao editor, o que é descoberto por toda a redação no maior estilo A Usurpadora. Claro que não foi tudo tão rápido assim, estou resumindo as coisas, porque um volume de Bakuman tem muita informação.

  O consenso a que todos chegam é: Muto Ashirogi irá fazer uma história fechada série e seis storyboards, 3 para cada série, uma séria e outra de comédia. Por fim são publicadas duas histórias fechadas na Jump, “Future Watch”, uma ficção científica, e “Ten”, comédia. Se você juntou Watch com Ten e lembrou de ben 10… Meus pêsames. Esses dois mangás são publicados na mesma edição de estreias, o que é uma grande desvantagem. “Ten” ainda por cima compete diretamente com o primeiro capítulo de “Business Boy Kenichi”, o mangá de estreia do Takahama, ex-assistente.

  Fato é “Future Watch” se sai melhor e, para alegria da dupla, tudo indica que é essa história que virará série. Vale dizer que até esse ponto o Miura está insistindo MUITO para eles fazerem comédia, tanto que é um pé no saco. Daí, finalmente, ele decidi por procurar estatísticas que comprovem o porque de aquele ser o melhor caminho. Só que ele foi tão chato até ali que, quando vai trabalhar de verdade, ainda não consegue ser carismático….

  O editor consegue convencer Takagi, mas não Mashiro, e isso o faz gritar em alto e bom tom que seria melhor arranjar outra pessoa para desenhar a história então. Se você quer alguém muito bravo abra nessa parte de Bakuman e veja a cara do Akito. Foi um bom clímax par ao impasse doa autores vs. editor. Depois disso Ashirogi recebe 4 caixas com comentários e materiais sobre mangás de comédia… E só então a dupla percebe que o editor realmente tinha se esforçado para aquilo. Miura vai até lá, pede desculpa de joelho, os mangakás o perdoam, eu (como leitor) também o perdoo por ter sido tão chato, e todos decidem por fazer o mangá de comédia. Com a condição de não ser “Ten”, pois esse envolvia mortes, algo que para uma história visando um público infantil não era muito condizente.

  A partir daí temos uma bela mudança de foco, onde finalmente Takagi recebe mais tempo em cena. Gosto muito mais dele do que do Mashiro. O menino de óculos fica triste ao ver que, novamente, o ponto classificado como fraco de suas obras são os personagens e, ainda por cima, tem que criar um animal “fofo” para o próximo mangá. A solução? Ir ao zoológico.

  Lá ele encontra Aoki, ah.. Aoki! Essa personagem tem um bom desenvolvimento nesse volume e me cativou, porque até então achava que era apenas uma esnobe chatinha. Os momentos dela, até aqui, são intercalados com a trama principal, e são muito bons! Ela tem um novo editor, que tem pinta de ser meio safado … Pelo menos nada de assédio até aqui (ainda bem, não creio que combinaria com a obra). Ela está com dificuldade de ver o ponto masculino das coisas, e Takagi com dificuldades para criar uma heroína, assim o encontro dos dois serve para que eles passem a trocar informações sobre tais assuntos.

  Eles chegam a passar uma noite em claro no celular (!). Miyoshi que se cuide… E ela já mostra sinais de estar preocupada. Para piorar, a nova “amiga” de Aoki é Iwase, aquela que recebeu um fora do Akito no começo da série! Se o autor não fosse o mesmo de Death Note e não tivesse conduzindo tão bem a coisa até aqui eu teria muito medo de isso se tornar um harém. O volume termina com Takagi revendo a ex-colega de classe. Um ótimo gancho para se esperar o mês que vem!

  Com o começo meio travado o volume 7 tem uma ótima progressão e não deixou a bola da série cair. Sobre a parte técnica, vi um errinho de português, que mais parece erro de digitação, e uma ou outra vírgula fazendo falta. Nada que atrapalhe na leitura da obra ou chegue a descaracterizá-la. Em um momento é dito “Podem mandar brasa na finalização”, e tenho certeza de que sou o único ser chato que se incomodou com isso, mesmo porque da pra entender perfeitamente o que é dito, então nem vou fazer muito alarde. As páginas me pareceram mais transparentes, mas novamente não sei se é só paranoia minha ou não. xD

  Temos também o resultado do primeiro concurso de popularidade, que surpreendentemente não foi sobre os personagens, mas sim sobre as obras citadas em Bakuman! Muito criativo, e particularmente gostaria de ler todas, principalmente “Detetive Trap”, que conquistou o primeiro lugar, e “Crown”, que ficou em segundo (as outras posições estão ilustrando este post). E é engraçado ver os protagonistas no canto da página felizes por terem conquistado um nº 1!

  E, um comentário bem pessoal para terminar… Como eu demoro pra ler os mangás do Tsugumi Ohba! Acho que foram umas 2~2 horas e meia só nesse volume… Cruzes! E era a mesma coisa com Death Note. Engraçado que com livros sou mais rápido. Enfim, vocês demoram quanto tempo em média para ler um mangá? Fiquei curioso agora. Espero que alguém responda nos comentários.

  PS: As imagens coloridas não são da edição da JBC, são scans retiradas da internet (mais especificamente do Mangás Project e do querido Google Imagens).

Aye!

Anúncios

7 pensamentos sobre “Análise: Bakuman volume 7

  1. Bom… Não sei se esse comentário vai ser meio longo mais vamos lá… Ah é,acho que o meu comentário contém…SPOILERS! *Gritos de sustos*

    Acompanho Bakuman a um tempão. Sim,eu compro o mangá pela JBC com o problema que a maioria passa…Fase 2. Atualmente está no volume 4 e no final do mês chega o 5 para a minha alegria. Acompanhava a série por SCANs e o anime também só que acabava perdendo muitas surpresas e acabei parando. Não que eu me importe com SPOILERS,mas eu achei melhor parar de vez pra evitar coisas piores =P

    Quanto ao fato da dupla fazer uma comédia é uma das piores coisas possiveis que o maldito editor poderia pensar. Eu fiquei com um ódio supremo do cara e fiquei até feliz quando a dupla ficou com “raivinha” dele… Fiquei com aquilo na cabeça: “Agora se —- aí c—— Muahahah!”. Mas depois de um tempo acabei percebendo que ele é um bom editor e que se esforçava bastante para a melhora da dupla.

    O real problema é que ele não dava a opinião deve como um editor deveria fazer,ele dava a opinião de um fã. De um fã descontrolado que passa horas e horas pensando naquilo que mais gosta.

    Outra coisa,acho que o cancelamento de TRAP é algo digno. Desde quando eles começaram a serializar a obra já estavámos esperando o pior. Ele tinha seus admiradores,mas não um bom número que fizesse do mangá um sucesso.

    E eles pioraram a situação com a maldita comédia. Rá! Mas como podemos ver nos capitulos que estão sendo publicos lá no Japão… Eles se deram muito bem com REVERSI. Só que para mim,eles deveriam fazer logo um SEINEN. Algo mais maduro. É apenas a minha opinião. Té mais! ‘-‘

    • ~Se você está lendo esse comentário por acaso saiba que tem SPOILERS de Bakuman, obg~

      Seu comentário nem foi tão Spoiler assim xD (visto que eu já sabia do Reversi), e acompanho só pela JBC… Pensei exatamente o mesmo sobre o editor, mas vamos ver como a comédia vai se sair, isso é, se ela chegar a ser publicada. Só é meio triste já saber que o mangá de sucesso vai ser Reversi xD
      Obg pelo comentário! ;P

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s