Divider List [02] – Top 5 melhores cenários em Bleach

Esse post é um tapa na cara de quem fala que o Tite Kubo não sabe desenhar fundos.

#05

#04

#03

#02

#01

… ou não.

Error 404 Not Found

Feliz 1º de Abril pessoal!

Anúncios

22 pensamentos sobre “Divider List [02] – Top 5 melhores cenários em Bleach

  1. Assim.

    Há pessoa que sabem escrever bem uma narração, mas não sabe fazer uma boa descrição e diálogo. Há escritores que sabem escrever tão bem diálogos, e dosa a narração e descrição, mas este último se sai muito bem, tanto quanto a narração.

    O autor do Bleach tem a facilidade de desenhar personagens e as suas caracteríscas (arquétipos) muito bem, mas não tem a mesma facilidade (criatividade?) de transformar o seu roteiro melhor do que antes, que chegamos a conclusão para as suas arquiteturas que sempre tende a faltar.

    Nos passa algo vazio, porém, com a estrutura dos personagens (sentimentos), e sempre havendo níveis de hierarquia no mundo (Capitães, tenentes, e Bankais), acredito que isso seja trivial o que já nos acostumamos, embora eu não leio o mangá, somente as análises de certos sites que sabem escrever bem.

    Acredito que é a inspiração que faz o autor dar mais de si (veja o últimos mangás do autor), mas ele já confessou que a sua história está estagnada, e já o cansou em continuar com isso.

    • Olha, não sei se você sacou bem a intenção do post, porque senti um tom bem crítico no seu comentário, mas só pra constar: foi uma piada de 1ª de Abril. Eu adoro Bleach (tanto que o layout do site é todo baseado no mangá) e sei que o Kubo é ótimo para desenhar personagens. Pra mim ser fã de algo é reconhecer não só as qualidades como os defeitos. Pra quem lê Bleach os cenários em branco incomodam muitas vezes. Mas eu vou fazer o que? Ir lá no Japão dar uns tapas na cara do Kubo? Não, vou fazer “piada” disso que todo mundo sai ganhando.
      Sobre o autor confessar que está cansado de Bleach, eu não me recordo de ler nada do tipo. Se fosse assim era só ele terminar o mais rápido possível e ficar livre disso, não?

      • Fiz um comentári inteligente, se não percebeu.

        “Sobre o autor confessar que está cansado de Bleach, eu não me recordo de ler nada do tipo. Se fosse assim era só ele terminar o mais rápido possível e ficar livre disso, não?”

        Parece que vc não leu nada parecido com o anime Yuyu Hakusho, não? O autor se cansou quando estava no Sensui, mas continuou, pois havia furos demais.

        E o meu comentário serve para qualquer tópico, desde crítica a não. Como de todos também.

        “Pra quem lê Bleach os cenários em branco incomodam muitas vezes. Mas eu vou fazer o que? Ir lá no Japão dar uns tapas na cara do Kubo?”

        Ah > http://www.animetotal.com/animes-mangas/%28-debate-%29-mangas-estetica-e-enredo/?PHPSESSID=e8702923eef1e0b91bcf4f543c8f8159;wap2

        Vide One Piece, ok? Muitos não o acompanham por causa desse defeito. Idem p/ Bleach, mas aqui, e mais baseado a enredo truncado, e nem tanto aos cenários.

        Abs.

      • Olha, o comentário pode ser o mais inteligente possível, mas quando fora de contexto ele apenas soa como fala de alguem que não sabe transmitir bem seu conhecimento.
        E eu nao li nada parecido como anime de YuYu Hakusho, li apenas o mangá. E até onde eu sei o Togashi foi forçado a continuar, por isso desenhou tão porcamente o final do mangá. E os furos surgiram justamente daí, por ele ter prolongado demais a obra. Mas isso é um caso isolado. Daí usa-lo como exemplo para justificar um boato sobre o Kubo estar cansado de desenhar Bleach é bem… desconexo.
        Sobre as pessoas que deixam de Bleach ou One Piece por esse ou aquele motivo: opinião delas. Eu mesmo tive resistencia a começar a ler OP porque achava o traço caricato demais. Dizer que o Kubo peca nos cenários de forma alguma diminui seus méritos com relação ao traço dos personagens. São coisas independente que pendem muito para o gosto de cada um.

      • “Olha, não sei se você sacou bem a intenção do post, porque senti um tom bem crítico no seu comentário, mas só pra constar: foi uma piada de 1ª de Abril.”

        Esqueci em dizer: Muitos fãs deste autor não viria a gostar desse post, pois essas pessoas acham desnecessário ter cenários bem desenhados, pois os personagens já lhe passam um sentimento enriquecedor, tornando-as menos “vazias” por falta dos cenários.

        Mas, se eu me auto justificasse dizendo que foi uma data de mentira, colaria? Sim, talvez, contudo, se fosse baseado ao racismo, vc se auto justificaria com isto? (uma base é equivalente á outra – uma crítica).

        Abs.

      • “Muitos fãs deste autor não viria a gostar desse post” Então vamos ensina-los a levar as coisas na esportiva, né? Fã não precisa ser uma pessoa que idolatra tudo que o autor joga na sua cara. Criticar é tão importante quanto saber elogiar (mesmo que nenhuma dessas tenha sido a intenção do post).
        E existem piadas racistas e homofóbicas? Existem, infelizmente. Agora se você for usar isso como argumento contra toda e qualquer piada que tenha algum cunho crítico, cara, não tem mais humor no mundo. Ainda estou pasmo por um post tão simples e inocente ter rendido uma comparação dessas.
        “uma base é equivalente á outra – uma crítica” na verdade, não. Racismo e homofobia são crimes, comentar uma característica que me incomoda em um mangá que eu gosto é um direito meu. Creio que com bom humor até o Kubo daria uma risadinha disso.
        E, novamente, não sei se percebeu, mas eu adoro Bleach (só ve ro layout do blog), nem por isso vou deixar de “zoar” o que me incomodar na obra.

      • “Criticar é tão importante quanto saber elogiar (mesmo que nenhuma dessas tenha sido a intenção do post).”

        Mas, então qual seria o motivo de vc me chamar atenção quanto a minha visão que vc levou como uma crítica?

      • O que tem uma coisa com a outra? Porque o post não tem caráter crítico eu não posso “chamar a atenção” pelo seu comentário que eu julguei ter um caráter crítico? Aliás, “chamar a atenção”? Eu só estou tentando te fazer entender que uma brincadeira que não tem ofende ninguém não deveria ser levada tão a sério. Muito menos comparada com crimes. Agora, se você não aceita uma observação qualquer com relação a algo que você gosta, sinto muito.

      • Não, muito pelo contrário: aprecio as visões das pessoas.

        Voce so me fez entender que eu não podia fazer uma crítica no dia da mentira, embora vc fez muitas delas, não?

      • Não, só expus o meu ponto de vista, de que foi uma crítica fora de contexto. Eu te faria entender que não poderia fazer uma crítica se tivesse excluído seus comentários. E não seria “uma crítica sobre o dia da mentira” em vez de “no dia da mentira”? 1º de Abril passou faz um tempinho…

      • O meu contra-argumento de início foi baseado a uma análise á matéria, não exatamente um tom crítico como vc pensou, mas está mais p/ uma legenda quanto as imagens neste post.

        Abs.

  2. Pingback: Divider List [3] – Especial dia das Mães! 5 mães que marcaram presença em animes/mangás! « Xtreme Divider

  3. Pingback: Shonen Xtreme! [15] – Bleach (cap. 496) & Reborn! (cap. 389) « Xtreme Divider

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s